Gostava de comprar casa nova ou trocar de casa e precisa de financiamento? Contacte-me: 926 80 90 92 | Nelson Favas Consultor Financeiro
Saiba como, contacte-me

17 maio 2007

Tenho de escrever mais á mão.

Bem, o titulo do post parece um pouco estranho, mas é ao mesmo tempo para mim um recordatório o que é real é que "escrever á mão" é para algo que está a cair em desuso (pelo menos para mim)... Já não me recordo bem quando foi a ultima vez que tive de escrever á mão cartas, resumos, relatórios seja o que for. Todos os dias, devido à minha profissão, tenho de tirar apontamentos, mas não considero isso escrever, a arte de tirar apontamentos resume-se a abreviaturas, iniciais de palavras seguidas de riscos, pequenas palavras chave, ou seja reais códigos que somente o autor (e por vezes nem isso) consegue decifrar. Apontamentos esses que depois são para dactilografar no computador. O conjunto de palavras mais extensa que escrevo á mão é capaz de ser para ai a minha assinatura, o que de facto me assusta um pouco pois não me lembro de quando foi a ultima vez que completei uma frase por extenso escrita á mão.

3 comentários:

Canochinha disse...

Nélson, já lá vai o tempo em que tinha um calo por causa de escrever! A verdade é que escrever no computador é muito mais prático, se bem que escrever à mão tenha o seu quê de nostálgico:)

Rute disse...

Hoje em dia, esse é um mal comum, Já pouca gente escreve cartas, pelo menos que me aperceba...
Hoje é mais práctico, mesmo que não se tenha internet, vai-se a uma biblioteca e manda-se um email nem que seja so a dizer olá, ou ainda mais práctico uma mensagem de telemóvel..

Se bem que eu pessoalmente acho que as cartas esritas à mão são bem mais "pessoais",

Té logo**bjokitas

Ps: Podes-me escrever 1 carta de amor que não me importo eheh,:P

Bia disse...

Na faculdade tirava tantos apontamentos!! Estragei a letra toda... Mas hoje em dia, é mais teclar!

Gostava de reduzir as suas despesas com creditos? Contacte-me: 926 80 90 92 | Nelson Favas Consultor Financeiro
Saiba como, contacte-me